Header

Benefícios do Rosário

Em todas as aparições de Nossa Senhora, em Fátima, Ela recomendou aos três pastorinhos a recitação do terço como meio de conseguir a paz, acabar com a guerra e alcançar a salvação.

Ninguém pode desaprovar a devoção do santo Rosário sem condenar o que há de mais piedoso na Religião Católica, a saber: a Oração Domterco3.jpginical (Pai-Nosso), a Saudação Angélica (Ave-Maria), os mistérios da vida, morte e glória de Jesus Cristo e de sua santa Mãe. É inimigo da salvação das almas quem tenta dissuadir os fiéis de recitar o Rosário, dado que, por meio dessa oração, eles abandonam o partido do pecado para abraçar a virtude.

Se São Boaventura tinha razão em dizer que quem despreza a Santíssima Virgem morrerá em pecado e será condenado, que castigos devem esperar aqueles que desviam os outros das devoções a Ela?!...

Benefícios do Rosário

Para nos animar ainda mais na prática desta devoção das grandes almas, São Luís Grignion acrescenta que o Rosário, recitado com a meditação dos mistérios:

1) Eleva-nos insensivelmente ao conhecimento perfeito de Jesus Cristo;
2) Purifica nossas almas do pecado;
3) Faz-nos vitoriosos contra todos os nossos inimigos;
4) Torna-nos fácil a prática das virtudes;
5) Abrasa-nos no amor de Jesus Cristo;
6) Enriquece-nos de graças e de méritos;
7) Fornece-nos com o que pagar todas as nossas dívidas com Deus e com os homens;
8) Por fim, faz-nos obter de Deus toda espécie de graças.

Eficaz na conversão dos pecadores

A Santíssima Virgem revelou ao Bem-aventurado Alano de la Roche que, tão logo São Domingos pregava o Rosário, os pecadores endurecidos eram tocados e choravam amargamente seus crimes.

Se alguém tiver a consciência carregada de algum pecado, tome o Rosário, recite uma parte dele em honra de alguns mistérios da vida, da paixão ou da glória de Jesus Cristo, e fique persuadido de que, enquanto estiver meditando e honrando tais mistérios, Ele apresentará suas chagas sagradas a seu Pai no Céu, intercedendo por quem está rezando e obtendo a contrição e o perdão de seus pecados. Nosso Senhor disse um dia ao Bem-aventurado Alano: "Se esses miseráveis pecadores recitassem com freqüência meu Rosário, eles participariam dos méritos de minha paixão, e, como Advogado deles, Eu apaziguaria a divina justiça".

Poderosa arma contra os demônios

Esta vida é uma guerra e tentações contínuas. Não temos a combater inimigos de carne e sangue, mas as próprias potências do Inferno. Que melhores armas poderíamos ter para enfrentá-las, do que a Oração que nosso grande Capitão nos ensinou, do que a Saudação Angélica, que expulsou os demônios, destruiu o pecado e renovou o mundo, do que a meditação da vida, paixão e glória de Jesus Cristo?

Armemo-nos, pois, dessas armas de Deus, do santo Rosário, e esmagaremos a cabeça do demônio, permanecendo estáveis contra todas as tentações. Daí resulta que o Rosário, mesmo o instrumento material, seja tão terrível para o diabo, e que os Santos se tenham servido dele para algemar o demônio e expulsá-lo do corpo dos possessos, como várias histórias testemunham.

Um homem, diz o Bem-aventurado Alano, tendo tentado inutilmente toda espécie de práticas de devoção para se ROSARIO.jpglivrar do espírito maligno que o possuía, teve a idéia de colocar o Rosário no próprio pescoço, o que o aliviou. E tendo verificado que, quando o tirava do pescoço, o demônio o atormentava cruelmente, resolveu levá-lo ao pescoço noite e dia, o que expulsou definitivamente o diabo, não podendo este suportar tão terrível cadeia.

O mesmo Bem-aventurado Alano testemunha que livrou um grande número de possessos, colocando-lhes assim o Rosário no pescoço.

Quando o Padre João Amât, da Ordem de São Domingos, estava pregando a Quaresma em uma localidade do Reino de Aragão, levaram-lhe uma moça possuída pelo demônio. Depois de a ter exorcizado várias vezes em vão, colocou-lhe o Rosário no pescoço, e imediatamente ela se pôs a gritar e a soltar uivos espantosos, dizendo: "Tire, tire estes grãos que me atormentam!" Por fim, compadecido da pobre moça, o Padre tirou seu Rosário do pescoço dela.

Naquela noite, quando o Reverendo Padre estava repousando em seu leito, os mesmos demônios que possuíam a moça precipitaram-se sobre ele, espumando de raiva, tentando apoderar-se dele; porém, com o Rosário fortemente seguro na mão, apesar dos esforços que os demônios faziam para arrancá-lo, o sacerdote fustigou-os admiravelmente e os expulsou bradando: "Santa Maria, Nossa Senhora do santo Rosário, ajudai-me!"

Na manhã seguinte, quando ele foi à igreja, encontrou a pobre moça ainda possuída. Um dos demônios que estavam nela se pôs a rir, zombando dele: "Ah! irmão, se não tivesses teu Rosário, nós teríamos acabado contigo". Então, o Reverendo Padre lançou de novo o Rosário no pescoço da moça, dizendo: "Pelos sacratíssimos nomes de Jesus e de Maria, sua santa Mãe, e pela virtude do santíssimo Rosário, eu vos ordeno, espíritos malignos, que saiais deste corpo imediatamente". No mesmo instante eles foram obrigados a obedecer, e a moça ficou livre.

Estas histórias nos mostram a força do santo Rosário para vencer toda espécie de tentações dos demônios e todo tipo tero.......jpgde pecados, porque as contas benditas do Rosário os põem em fuga.

Invencível escudo contra os inimigos da Fé católica

Quem poderá contar as vitórias que Simão, Conde de Montfort, conquistou sobre os hereges albigenses, sob a proteção de Nosa Senhora do Rosário? São elas tão famosas que o mundo nunca viu iguais. Certa vez, contando com 500 homens, desafiou ele dez mil hereges. Noutra ocasião, com trinta, saiu vitorioso contra três mil. Em seguida, com 800 cavaleiros e mil homens de infantaria, estraçalhou o exército do Rei de Aragão, composto de cem mil homens, perdendo apenas um único cavaleiro e oito soldados dos seus.

De que perigos a Santíssima Virgem livrou Alano de Lanvallay, cavaleiro bretão, que combatia pela fé contra os albigenses! Um dia, estando cercado de inimigos de todos os lados, a Santíssima Virgem lançou contra eles 150 pedras e o libertou das mãos dos adversários. Outro dia, tendo naufragado seu navio, e estando ele perto de afundar, esta boa Mãe lhe fez aparecer 150 pequenas colinas por cima das quais ele chegou até sua terra natal. E em memória dos milagres que Nossa Senhora fez em seu favor, por causa de um Rosário que ele recitava todos os dias, Alano mandou construir um convento para receber religiosos de São Domingos. Mais tarde, ele mesmo se fez religioso, e morreu santamente em Orleans.

Otero, outro soldado bretão, trazendo seu Rosário no braço e na guarda de sua espada, com freqüência pôs em fuga esquadrões inteiros de hereges e bandidos. Certa vez, com dez companhias, Otero desafiou vinte mil hereges sem perder um só dos seus. Fato que tocou de tal maneira o general do exército herege, que este veio procurar o guerreiro bretão, abjurou sua heresia e declarou que ele o havia visto coberto de armas abrasadas de fogo no combate.70

 

 

| print | email Indicar |
3.1428571428571
Votos: 7
Todos os direitos de copyright reservados a Associação Católica Nossa Senhora de Fátima.